sexta-feira, 21 de agosto de 2009

O PT em sua entranhas

O presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), criticou nesta quinta-feira a decisão do líder do partido no Senado, Aloizio Mercadante (SP), de entregar o cargo depois da orientação da cúpula da legenda para o arquivamento das acusações contra o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-SP). Berzoini conversou com Mercadante por telefone nesta quinta-feira e disse ao petista que seria um "erro" deixar a liderança neste momento.

Questionado se havia feito um apelo para o petista permanecer na liderança, Berzoini disse que criticar sua saída não significa fazer um apelo para que Mercadante ficasse no cargo. "Eu disse que acho um erro ele sair, o que é diferente de pedir para ele ficar", afirmou à Folha Online.


Ou seja,

Se Lula não fez apelo, Berzoíni não fez apelo, quer dizer que Mercadante blefou feio...

Espero que continue esta campanha de demolição do PT.

E que o culpado seja o próprio Faraó!

Nenhum comentário:

Postar um comentário