sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

O DOMÍNIO DO FATO

Pois,
É admirável, os jornais de esquerda no mundo analisando o processo contra o retirante nordestino.
Seriam jornalistas pagos ou simplesmente ignorantes de fato e dos fatos.
"A Autoria, é daquele que controla subjetivamente o fato. Aquele que exerce esse controle.
Aquele que tem o poder de decisão na realização do fato. Autor é quem possui o domínio da ação desde o início até o final. Aquele que pode decidir sobre a consumação do fato em si, ainda que não tome parte na sua execução."
Era para ser diferente;
Um retirante pobre, que migra para uma cidade grande e consegue ser um líder político em todo um país.
Poderia se quisesse, ter corrigido a falta de ISONOMIA do povo.
Poderia ter feito as reformas políticas, tributárias, previdenciárias de um país calafetado pela corrupção e as diferenças de direitos e deveres dos cidadãos.
Os estados federados falidos por suas incumbências previdenciárias.
Um país cujas estatais teoricamente pertencentes ao povo, servindo de cabides de empregos aos amigos e puxa sacos, lesando a quem de direito.
Mas, infelizmente não o fez.
Distribuiu esmolas, esfolando vivos os trabalhadores.
Ele e seus aliados destruíram a saúde pública e roubaram obstinadamente nossa dignidade e o erário brasileiro.
Transformaram o povo em castas, abdicaram da família e criaram lutas pessoais de racismo e discriminação.
O retirante poderia ter sido o maior presidente do Brasil, mas sua arrogância não deixou.
Corrompeu-se no maior posto que alguém pode chegar numa nação.
Vendeu-se para sustentar uma caterva de agremiações partidárias para locupletarem-se num projeto de governo destrutivo.
Tentou um grande "Golpe de Mestre".
Jamais priorizou o protecionismo nacional, suas infraestruturas, seus benefícios.
Enterrou o Brasil em sua pocilga.
Creio que nossos algozes desconhecem democracia, palavra de comum uso dentre eles.
Não entendem o lesbianismo comum entre, democracia, liberdade e isonomia.
São estupradores delas.
São os misóginos políticos de uma sociedade sem alternativas.
Assisti a novela do julgamento toda desde 8:30 da manhã até seu final, quase 18:00 da tarde/noite.
As provas do domínio do fato são contundentes.
Praticou crimes de responsabilidades civis e criminais.
Ainda acho que a prisão o torna mártir.
Deveriam confiscar-lhe os bens e de sua família, deixá-lo ver como é a vida de nós trabalhadores aos 70 anos com aposentadorias medíocres.
No Brasil estamos acostumados a prenderem e julgar as formiguinhas, deixando a rainha de lado.
" Ou o Brasil acaba com as saúvas, ou as saúvas acabam com Brasil." (Monteiro Lobato)
Temos de nos livrar das rainhas e seus formigueiros.
O retirante construiu "O admirável Mundo Novo" de Aldous Huxley.









Postar um comentário