sexta-feira, 28 de outubro de 2011

O BRASIL DO PLÁGIO IMPRESTÁVEL

Pois,
Quando se copia, se faz um plágio, temos de fazer melhor que o original.
Infelizmente, na pátria que teima em não ser portuguesa por semelhança, teima-se estupidamente copiar as coisas ruins da América LATRINA.
Todos sabem que no Brasil PARTIDO POLÍTICO CONSERVADOR, é cadáver de necrotério.
O único regime de direita que teríamos, fosse o militar, se os mesmos não tivessem estatizado tudo que puderam.
Sobraram somente partidos de esquerda, centro para eles é início de pelada futebolística.
São todos hipócritas compulsivos.
No teor querem apenas locupletar "cumpanheros" ou apenas o próprio bolso.
A imprensa investigativa e delatora recebe informações privilegiadas, dos mesmos, que se aninham numa disputa pelo poder, que às vezes é um ministeriosinho de merda, aliás criam-se os mesmos para poder apaniguar todos ditos base de governo.
Leis temos um código penal retrógrado, mas ativo, e dá-lhe fazer-se estatutos ou lei alternativas apenas para cumprir-se o que diz-se na constituição ou no próprio código penal, mas cumprí-los que seria o estrito necessário, nem se pensa.
Quando vejo, ouço a palavra COMISSÃO, me vem a mente, aquele acréscimo no salário, carnaval, missão alternativa, mas a palavra adulterou-se, CPI sempre lembra pizza, nossa égide congressual é uma pizzaria notável.
Agora esse governo translucidamente corrupto inventou a tal de comEssão da verdade.
São tantas as CPIs pizzaiolas, que inventei a palavra "comessão", nosso povo está acostumado com essa "suruba" e quando entra é um verdadeiro introito anal público.
É uma salada sexual onde entramos apenas com o "copinho".
Eis então a COMESSÃO DA VERDADE.
Temos uma imensa lista de perseguidos políticos com vultosas pensões e indenizações, isentas de imposto de renda, por perseguição política.
Temos até um ex-presidente de sindicato, que fez greve em 1988, e recebia em 2000 18.000 reais de pensão fora os mais de 2 milhões em indenização.
Sorte a delem, azar o nosso, mas não é bem assim.
É tudo politicagem, e adivinhem o cara é petista.
Segundo arquivos o Brasil militar fez 424 vítimas.
Permitam me ser prolixo e colocar alguns nomes de vítimas dos guerrilheiros democratas.
12/11/64 – Paulo (Vigia – Rj)
27/03/65 – Carlos Argemiro (Sargento do Exército – Pr)
25/07/66 – Edson Régis De (Jornalista – Pe)
25/07/66 – Nelson Gomes (Almirante – Pe)
28/09/66 – Raimundo De Carvalho (Cabo Pm – Go)
24/11/67 – José Gonçalves Conceição (Fazendeiro – Sp)
07/11/68 – Estanislau Ignácio (Civil – Sp)
15/12/67 – Osíris Motta (Bancário – Sp)
10/01/68 – Agostinho F. Lima – (Marinha Mercante – Am)
31/05/68 – Ailton De (Guarda Penitenciário – Rj)
26/06/68 – Mário Kozel (Soldado Do Exército – Sp)
27/06/68 – Nelson (Sargento PM – Rj)
27/06/68 – Noel De Oliveira (Civil – Rj)
01/07/68 – Von Westernhagen (Major Ex. Alemão – Rj)
07/09/68 – Eduardo Custódio (Soldado PM – Sp)
20/09/68 – Antônio Carlos (Soldado PM – Sp)
12/10/68 – Charles Rodney (Capitão do Ex. Usa – Sp)
12/10/68 – Luiz Carlos (Civil – Rj)
25/10/68 – Wenceslau Ramalho (Civil – Rj)
07/01/69 – Alzira B. De Almeida – (Dona de Casa – Rj)
11/01/69 – Edmundo Janot (Lavrador – Rj)
29/01/69 – Cecildes M. de Faria (Inspetor de Pol. – Mg)
29/01/69 – José Antunes Ferreira (Guarda Civil – Mg)
14/04/69 – Francisco Bento (Motorista – Sp)
14/04/69 – Luiz Francisco (Guarda Bancário – Sp)
08/05/69 – José (Investigador De Polícia – Sp)
09/05/69 – Orlando Pinto (Guarda Civil – Sp)
27/05/69 – Naul José (Soldado Pm – Sp)
04/06/69 – Boaventura Rodrigues (Soldado PM – Sp)
22/06/69 – Guido – Natalino A. T. (Soldados PM – Sp)
11/07/69 – Cidelino Palmeiras (Motorista de Táxi – Rj)
24/07/69 – Aparecido dos Santos (Soldado PM – Sp)
20/08/69 – José Santa (Gerente De Banco – Rj)
25/08/69 – Sulamita Campos (Dona De Casa – Pa)
31/08/69 – Mauro Celso (Soldado PM – Ma)
03/09/69 – José Getúlio – João G. (Soldados da PM)
20/09/69 – Samuel (Cobrador de Ônibus – Sp)
22/09/69 – Kurt (Comerciante – Sp)
30/09/69 – Cláudio Ernesto (Agente da PF – Sp)
04/10/69 – Euclídes de Paiva (Guarda Particular – Rj)
06/10/69 – Abelardo Rosa (Soldado PM – Sp)
07/10/69 – Romildo (Soldado PM – Sp)

31/10/69 – Nilson José de Azevedo (Civil – Pe)
04/11/69 – Estela Borges (Investigadora do Dops – Sp)
04/11/69 – Friederich Adolf (Protético – Sp)
07/11/69 – Mauro Celso (Soldado PM – Ma)
14/11/69 – Orlando (Bancário – Sp)
17/11/69 – Joel (Sub-Tenente PM – Rj)
17/12/69 – Joel (Sargento – PM – Rj
17/01/70 – José Geraldo Alves Cursino (Sgt PM – Sp)
20/02/70 – Antônio A. Posso Nogueró (Sgt PM – Sp)
11/03/70 – Newton de Oliveira Nascimento
31/03/70 – Joaquim (Investigador de Polícia – Pe)
02/05/70 – João Batista (Guarda de Segurança – Sp)
10/05/70 – Alberto Mendes (1º Tenente PM – Sp)
11/06/70 – Irlando de Moura (Agente da PF – Rj)
15/07/70 – Isidoro (Guarda de Segurança – Sp)
12/08/70 – Benedito (Capitão do Exército – Sp)
19/08/70 – Vagner L. Vitorino (Guarda de Seg. – Rj)
29/08/70 – José Armando (Comerciante – Ce)
14/09/70 – Bertolino Ferreira (Guarda de Seg. – Sp)
21/09/70 – Célio (Soldado PM – Sp)
22/09/70 – Autair (Guarda de Segurança – Rj)
27/10/70 – Walder X. (Sargento da Aeronáutica – Ba)
10/11/70 – José Marques (Civil – Sp)
10/11/70 – Garibaldo (Soldado PM – Sp)
10/12/70 – Hélio de Carvalho (Agente da PF – Rj)
07/01/71 – Marcelo Costa Tavares (Estudante – MG)
12/02/71 – Américo (Soldado PM – Sp)
20/02/71 – Fernando (Comerciário – Rj )
08/03/71 – Djalma Pelucci (Soldado PM – Rj)
24/03/71 – Mateus Levino (Tenente da Fab – Pe)
04/04/71 – José Júlio Toja (Major do Exército – Rj)
07/04/71 – Maria Alice (Empregada Doméstica – Rj)
15/04/71 – Henning Albert (Industrial – Sp)
10/05/71 – Manoel Silva (Soldado PM – Sp)
14/05/71 – Adilson (Artesão – Rj)
09/06/71 – Antônio Lisboa Ceres (Civil – Rj)
01/07/71 – Jaime Pereira (Civil – Rj)
02/09/71 – Gentil Procópio (Motorista de Praça – Pe)
02/09/71 – Gaudêncio – Demerval (Guardas Seg. – Rj)
–/10/71 – Alberto Da Silva (Civil – Rj)
22/10/71 – José (Sub-Oficial da Marinha – Rj)
01/11/71 – Nelson Martinez (Cabo PM – Sp)
10/11/71 – João (Cabo PM

Por imbecilidade e hipocrisia profícua, querem punir os militares, e inocentar àqueles que por vontade própria aderiram a uma causa.
Rebeldes?
A maioria deles playboys de classe média que até então eram rebeldes sem causa.
O lado mais forte, mais organizado venceu, eram meia dúzia de gatos pingados contra um povo, uma nação, que não queria o comunismo.
Não houve revanchismos, anistiou-se tudo.
Essa laia de gente, desconhecem Miguel Costa, Elias Rocha ou Israel Amorim.
Por vezes me questiono se imbecilidade tem preço.
Temos de PUNIR AMBOS OS LADOS.
A COMISSÃO DA VERDADE NÃO PODE SER A COMESSÃO DE INVERDADES.
Gostaria de saber quanto custa?
Se COMISSÃO FOR BOA, qualquer um é petista,
Eu nunca, tenho ética, moral e escrúpulos, e sou de família impoluta.
bom dia a todos

Um comentário:

  1. Muito boa sua postagem. Olhei e revisei por duas vezes as vitimas e não vi ninguém do Acre. Não que isso fosse orgulho para o meu Estado uma vergonha desta. Mas confirmou minha indignação de que vejo tantas famílias no Rio de Janeiro e outras unidades da federação batalhando para encontrar os restos mortais de seus parentes e receber do Estado as supostas indenizações e no Acre as autoridades conseguiram com maior facilidade indenização por perseguição a Chico Mendes no tempo da didatura. Então vejão que medalhão: seringueiro, sindicalista, ambientalista, herói da nação vítima da didatadura e da violência do campo. Só falta mais um mérito pela andar da carruagem: pedirem para o papa o canonizarem. Coisa de nosso Brasil!

    ResponderExcluir