domingo, 15 de maio de 2011

PL122, Constituição e educação

Pois,
Assim se faz política e legisla-se no país:
-Criando-se leis para leis garantidas na carta magna.
Inconstitucional é uma palavra desconhecida aos nossos estudantes, visto que, a constituição não faz parte do currículo, e nossos politiqueiros esquecem-se que as minorias já tem suas garantias cosntitucionais.
Criar garantias aos ditos"homoafetivos" é discriminar àqueles que preferem a "heteroafetividade".
O direito da crítica é de qualquer um, a discriminação é um crime, e a PL122 é um ato de discriminação feito em pleno século XXI.
Estamos dando direitos à necrófilos, pedófilos e bígamos, de lutarem por direitos, rasgando textos constitucionais, criando lacunas morais e éticas, apenas pela garantia de uns poucos, tolhendo o direito de crítica de muitos.
Rasgaram os diplomas dos "jornalistas" e os jogaram nas latrinas, e dizem-se defensores da liberdade de imprensa.
Nossa imprensa falada, escrita e televisiva dorme abraçada com a mordaça velada que o governo lhes impõe.
Tudo porque a máquina pública sustenta toda a imprensa brasileira, e essa imprensa podre, nada pode publicar contra o governo e suas pústulas que gerencia essa corrupção toda.
"Watergate" aconteceu porque a imprensa nos Estados Unidos é livre e privada.
Eu so vejo dizer, só ouço falar que a educação é um direito, por vezes, um socilóide de esquerda proclama:
-Universidade para todos!!!!!!!!!
O que ninguém fala, ninguém escreve, ninguém pergunta é:
- E a aptidão, e a vontade de estudar, e o "background" dos educadores.
De que adianta formar universitários sem capacidade, e colocar na faculdade inaptos e inéptos.
Hoje formam-se advogados no Brasil que não conseguem passar no exame da OAB.
Trouxeram médicos de Cuba que não conseguem passar nos exames do conselho nacional de medicina.
Senhores deputados e senadores é isso que voces querem para o Brasil e nossos filhos?
Há pouco escrevi na comunidade sobre o fabuloso 13 de maio, dia da abolição da escravatura.
Já naquela época criva-se leis inócuas.
A primeira delas proibia o Brasil de comprar escravos dos navios negreiros, mas permitia comprar escravos que trabalhassem em navios de outros países escravagistas.
A segunda tornou todos os negros sexagenários livres, evitando assim que os "patrões escravagistas" sustentassem os doente, inválidos e velhos, tal e qual fazem os governos brasileiros atuais com seus aposentados.
A terceira chamada de ventre-livre, só tornava-os livres na maioridade, ou seja após os 21 anos, e durante esse período eram obrigados a trabalhar por comida e hospedagem.
A quarta, a fabulosa lei Áurea, tornou livres todos os escravos, nascidos no Brasil, à queles que havima sido comprados eram obrigados a pagar seus patrões escravagistas, os famosos "capitães de areia", bastam ler o romance.
Ninguém deve ser médico ou engenheiro sem aptidão, ninguém deveria ser político se corrupto.
Avacalhando-se a educação criamos mais desses monstros, universitários inaptos e políticos corruptos.
Marginalizando a infância dos celulares e vídeo-games, torna-os na juventude do FUNK e das drogas.
Procuramos valores éticos e morais, nos grandes homens desse país, mas eles não honram suas responsabilidades, prevaricam no medo e usam saias justas.
O PTismo está dividindo o Brasil, dividindo suas famílias, abraçando a negação dos direitos e rasgando a nossa constituição.
Onde estão os nossos juristas?
Apaziguados, apaniguados ou escondidos!!!!
Procura-se um SUPREMO TRIBUNAL JUSTO, pois a justiça, foi-se longínqua e deixou saudades.
bom dia

Um comentário:

  1. Repassamos para você um trecho do artigo do Reinaldo Azevedo, da Revista Veja, sobre a reforma da ortografia e da gramática no sentido de atender ao Lulês, como meta de ajustar a mente da massa ignara no processo de impor ao Brasil um retrocesso histórico, jamais vericado noutros povos e na contra-mão do desenvolvimento humano, compatível com a Civilização Ocidental:
    ...

    Não deveríamos estar expostos a essa picaretagem, mas estamos. Chegamos a esse debate miserável depois de três décadas de militância ativa do petismo nas universidades e nas escolas. Já escrevi aqui outro dia e reitero: nem se pode dizer que foi o velho marxismo que fez isso com a inteligência brasileira. Essa boçalidade, acreditem, nem mesmo marxista é. O antigo comunismo conjugava com a sua vocação homicida a crença num novo homem, que desfrutaria dos bens da civilização quando se libertasse da opressão dos burgueses e aristocratas. Essa gente que hoje dá as cartas na educação tem um ódio muito mais perverso e devastador do que o ódio de classe: ela odeia é a civilização propriamente dita..

    Para essa canalha, o homem se perdeu definitivamente quando passou a andar com a coluna ereta. A partir daquele momento, estava destinado a devastar a natureza e a criar normas, inclusive as da linguagem, que só serviriam à opressão.
    Por Reinaldo Azevedo
    ...

    Como se vê, a conquista, a evolução e a difusão do conhecimento são marcos do Ocidente, da nossa cultura e sob império da liberdade. Como um fruto de um processo natural da história humana.

    Todavia, os PTralhas tentam nos impor diversos desatinos, para nos alienar e nos manter à margem do estágio atual do progresso humano, particularmente do mundo ocidental.

    Seria até satírico, se não fosse uma paranóia, sob tutela de uma metamorfose histriônica, do Lula Metamorfose, que não tem dignidade para condução de um povo, mas que entre histerias e sadismos, como da Marta Suplício e seu Kiy Gay e da Lei da Homofobia, da Maria do Rosário dos Direitos Humanos com seu PNDH-3, da Ministra da Educação e da Reforma Gramatical, etc, todos do Lula e da sua companheirada,que almejam a dominação do poder em dentrimento da nação, de avançoas socias, econômicos e científicos evidentes nas nações mais desenvolvidas.

    Na realidade, há uma deplorável tramóia contra o povo brasileiro, com o seu futuro planejado entre bastidores do poder e na contra-mão da história.

    E, através deles, os PTralhas, a nação brasileira está ¨SIFU...¨

    Att. Madeiro

    ResponderExcluir