terça-feira, 15 de setembro de 2009

O Desgoverno Canalha vai realmente taxar a poupança - "Nunca antes neste país"


BRASÍLIA - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, informou nesta terça-feira, 15, que a alíquota do Imposto de Renda (IR) que incidirá sobre os rendimentos das cadernetas de poupança que excederem a R$ 50 mil será de 22,5%. Mantega disse que a tributação ocorrerá no momento do saque e deu como exemplo uma caderneta de poupança no valor de R$ 52 mil, na qual o rendimento dos R$ 2 mil (valor que excede os R$ 50 mil) é que será taxado em 22,5%.

O ministro disse que o governo desistiu de reduzir a tributação sobre os fundos de renda fixa este ano. Segundo ele, não haverá necessidade, porque o mercado ficou estável e não houve migração das aplicações dos fundos de investimentos para a poupança. De acordo com Mantega, o anúncio dessas medidas em maio levou a uma redução das taxas de administração cobradas nos fundos.

Mantega disse ainda que o projeto de lei que taxa a caderneta de poupança deve ir para o Congresso nesta semana. "É só uma questão de oportunidade", afirmou o ministro, garantido que os pequenos poupadores não serão tributados. Se a proposta for aprovada pelos parlamentares, a nova tributação passa a valer em 1º de janeiro de 2010.

Estadão


Alguém ainda duvida do que este governo Petralha ainda é capaz????

3 comentários:

  1. Nós vamos morrer e não veremos de tudo! Tem de deixar os olhos de fora para continuarmos a ver.....

    Só falta, agora, voltar a CPMF que até hoje eu não consigo entender como uma CONTRIBUIÇÃO....era debitada OBRIGATORIAMENTE EM NOSSAS CONTAS BANCÀRIAS.
    Durante anos fomos roubados.Usaram o engodo de utilizar o dinheiro para a saúde....e a saúde vaimuito mal, obrigado!
    Não há 1 único órgão federal interessado na defesa do cidadão? Onde estão os STF, PGE, MP, etc...
    Acho que a sigla PAC significa Plano de Aceleramento do Crescimento das contas bancárias da quadrilha que arrasa o Brasil.

    Deus, pátria, família e liberdade!

    ResponderExcluir
  2. Nós vamos morrer e não veremos de tudo! Tem de deixar os olhos de fora para continuarmos a ver.....

    Só falta, agora, voltar a CPMF que até hoje eu não consigo entender como uma CONTRIBUIÇÃO....era debitada OBRIGATORIAMENTE EM NOSSAS CONTAS BANCÀRIAS.
    Durante anos fomos roubados.Usaram o engodo de utilizar o dinheiro para a saúde....e a saúde vaimuito mal, obrigado!
    Não há 1 único órgão federal interessado na defesa do cidadão? Onde estão os STF, PGE, MP, etc...
    Acho que a sigla PAC significa Plano de Aceleramento do Crescimento das contas bancárias da quadrilha que arrasa o Brasil.

    Deus, pátria, família e liberdade!

    ResponderExcluir
  3. É uma canalhice de verdade! Ora, o governo desistiu de reduzir a tribução dos fundos, porque o mercado ficou estável e não houve a tal migração para a poupança. Mas vai taxar a poupança para evitar a migração?

    Parece pouca coisa, mas não é. Quem poupou mais que 50 mil reais não é um especulador, mas alguém que acreditou em um sistema que paga uma merreca de juros mas, pelo menos, tem segurança da aplicação. Este não é um especulador. Provavelmente, é alguém que já pagou imposto sobre esta grana, em seu próprio salário.

    ResponderExcluir